Logo

Culto aos sábados 19h
Domingos 17h30
Culto às quartas 19h
Previous Next

Louvor

  • Administrador

O ministério de louvor e adoração é muito mais abrangente do que imaginamos. Jesus incluiu pessoas que talvez excluíssemos da lista, como a mulher samaritana. Tudo o que sabemos é que ela era uma moradora comum de Samaria, nada mais, nem mesmo conhecemos seu primeiro nome.

Bem provável que não fosse cantora ou líder do ministério de música na sua igreja, mas ela e Jesus falavam sobre adoração. O Mestre afirmou que um novo tempo estava chegando, pessoas seriam achadas por Deus através da Verdade revelada no coração.

Felizmente em Cristo a hora chegou! Os verdadeiros adoradores conhecem a Deus através do Espírito Santo e da Palavra revelada ao espírito humano.

Os verdadeiros adoradores ficam cheios de entusiasmo por Deus. Eles querem viver intensamente para o Amor de suas vidas, concebendo assim o verdadeiro louvor, a expressão perfeita da adoração. E este é um romance espiritual correspondido por ambas as partes.

E tudo o que fizerdes, seja em palavra, seja em ação, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai” (Colossenses 3.17).

Nesta nova dispensação, de uma aliança tão sublime com Deus, adoração torna-se um mandato e privilégio não apenas de um grupo minoritário, mas de cada filho de Deus que foi feito por Jesus um sacerdote diante do Pai.

É nosso direito não aceitar que ninguém diga que não merecemos ou não podemos ser adoradores. Podemos sim, porque Deus habita em nós. Merecemos sim, porque Jesus morreu por nós na cruz. Nossos pecados são per- doados, nosso espírito é capacitado sobrenaturalmente.

Paulo instruiu a igreja: “Encha-se de Cristo e depois, re- produza as ações de Cristo” (Colossenses 3.16-17). Jesus é a referência e o nosso potencial. Nele, refletimos a vida que ele viveria se estivesse morando neste planeta.

Assim, este é o glorioso ministério dos filhos de Deus: adoração e louvor. Isso significa relacionar-se em espírito e em verdade com a presença de Deus e sua Palavra, no homem interior e no homem exterior, no potencial e nas realizações, nos pensamentos, nas palavras e nas ações, com o espírito e com a alma, nas emoções e no corpo.

Quando falamos de ministério de louvor, não podemos nos restringir apenas ao ministério de música. Os filhos de Deus compõem, nas suas mais diversas aptidões, vocações e talentos, o grande ministério de louvor e adoração.

Do livro “Louvor, Adoração e as Coisas do Coração” – Manassés Guerra

Carregando Comentários ...